1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Anfepramona para emagrecer: funciona mesmo?

0

 

Emagrecer é o desejo de muitas pessoas, tanto homens quantos mulheres. Ter o corpo ideal, com curvas e músculos definidos é o que motiva muitas pessoas a irem para a academia diariamente. Para ajudar na busca desse desejo há várias substâncias e remédios, como a Anfepramona.

Essa substância é a base de alguns remédios encontrados no mercado, cuja principal função é inibir o apetite e assim contribuir para a perda de peso. Além disso, essa substância possui alguns efeitos colaterais que devem ser levados em conta antes de sair ingerindo qualquer medicamento.

Veja a seguir mais informações sobre essa substância e seus benefícios.

Como funciona a Anfepramona?

A Anfepramona atua na liberação de um neurotransmissor responsável pela saciedade: a noradrenalina. Ao atuar nessa região, a substância possui um efeito anorexígeno-saciogênico, contribuindo para aumentar a sensação de saciedade e fazer com que você coma menos. Ao mesmo tempo que possui esse benefício, a substância também pode aumentar a pressão arterial, já que trabalha diretamente no sistema nervoso central.

Anfepramona
Anfepramona. Imagem:divulgação

Os medicamentos que possuem anfepramona podem causar dependência nos usuários, além de gerar alterações psíquicas. O uso ideal dessa substância seria como um complemento para a perda de peso, sendo usado somente em casos específicos. No entanto, cada vez mais surgem casos de dopping envolvendo a anfepramona.

Benefícios da Anfepramona

Os benefícios de anfepramona são apenas para quem deseja emagrecer. Ela é recomendada somente nos casos de obesidade exógena e sobrepeso patológico e, além disso, o seu uso deve ser feito com acompanhamento médico.

O seu principal benefício é a inibição do apetite, o que leva a perda de peso em pouco tempo. Anfepramona não possui nenhum outro tipo de benefício à saúde, sendo usada somente para combater a obesidade e o sobrepeso, por isso use-a somente em último caso, quando não há mais alternativa. No entanto, é sempre essencial estar a par de todos os seus efeitos para o corpo.

Anfepramona funciona mesmo?

O efeito emagrecedor de anfepramona é realmente real, desde que o seu uso seja combinado com uma alimentação saudável e com a prática de atividades físicas.

Anfepramona
Anfepramona. Imagem:divulgação

Através de estudos científicos foi comprovado que a anfepramona é um dos medicamentos mais eficazes no tratamento contra a obesidade, pois leva o paciente a perder vários quilos em poucos dias. Sendo assim, a substância é vendida em grande quantidade aqui no Brasil nos meses que antecedem o verão, pois milhares de pessoas que desejam emagrecer utilizam.

Remédios que contem Anfepramona

Além de ser vendida separadamente, a anfepramona também pode ser encontrada em outros medicamentos. Se você desejar compra-la, poderá encontrar no mercado dosagens de 25 mg, 50 mg, 75 mg e 120 mg, sendo essa a dosagem máxima liberada. Novamente recomendamos que o uso não deve ser feito sem o acompanhamento médico, pois somente o especialista poderá lhe indicar a dosagem correta para o seu caso.

Há medicamentos com anfepramona na composição, como Inibex, Dualid e Hipofagin. Qualquer um deles deve ser ingerido somente sob recomendação médica, pois além de anfepramona, também possuem outros tipos de substâncias e nutrientes que podem ser prejudiciais à sua saúde.

Efeitos colaterais da Anfepramona

A Anfepramona possui vários efeitos colaterais, sendo os mais comuns os seguintes: insônia, irritabilidade, tremores, boca seca, nervosismo, constipação hipertensão e taquicardia. No caso de uso por atletas, é fundamental estar atento do fato de que essa substância oferece o resultado positivo no caso de exame de dopping.

Anfepramona
Anfepramona. Imagem:divulgação

Por isso é recomendado que antes de começar a usar a substância, o usuário consulte-se com um especialista e tenha acompanhamento. Só assim os efeitos poderão ser diminuídos. As pessoas que buscam apenas perder peso devem ter em mente que devem conciliar o uso de anfepramona com a prática de atividades físicas e com uma alimentação saudável e equilibrada.

Contraindicação da anfepramona

Anfepramona não deve ser ingerida na maioria dos casos, mas o seu uso é extremamente contraindicado em casos específicos, como de pessoas que possuam hipertensão grave, arritmias, hipertireoidismo, glaucoma, insuficiência renal, histórico de distúrbios psiquiátricos, epilepsia, entre outros problemas.

Além disso, não deve ser ingerida por pessoas idosas ou crianças com menos de 12 anos. Pessoas que possuam alergia a essa substancia também não devem ingeri-la em nenhum medicamento.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA