1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Apneia. Causas e Tratamentos

0

A apneia do sono é um distúrbio do sono potencialmente grave em que a pessoa para de respirar, por alguns segundos, diversas vezes durante a noite. Pessoas com apneia obstrutiva do sono podem, inclusive, não estar cientes de que têm o problema.

A consequência destas obstruções é a redução ou interrupção completa do fluxo de ar apesar da manutenção do esforço inspiratório.

Saiba mais informações, acesse: Como Emagrecer 10 kg em 10 dias

Apneia. Causas e Tratamentos
Apneia. Causas e Tratamentos

De acordo com alguns dados do Ministério da Saúde, cerca de 50% da população brasileira se queixa de qualidade de sono ruim e cerca de 30% da população adulta sofre de apneia do sono.

Existem dois tipos de Apneia, são elas: Apneia obstrutiva do sono, Durante a apneia obstrutiva do sono, a pessoa pode produzir um ronco ou um som semelhante ao sufocamento. O sono irregular impede a pessoa de alcançar o sono profundo, fazendo-a se sentir sonolenta durante o dia.

E também a Apneia do sono Central, a apneia do sono central é muito menos comum e ocorre quando o cérebro não consegue transmitir sinais para os músculos da respiração. Uma pessoa que sofre com este tipo de apneia pode acordar com falta de ar ou sentir dificuldade para dormir ou, ainda, para manter o sono.

Saiba mais informações, acesse: Como Consumir Alimentos Funcionais ?

Assim como ocorre com a apneia obstrutiva do sono, aqui a pessoa também pode apresentar sonolência durante o dia.

Sintomas da Apneia

Uns dos principais sintomas que a Apneia apresenta, são:

Hipersônica (sonolência excessiva durante o dia)

Ronco alto Despertar abruptamente durante a noite com falta de ar

Despertar com a boca seca

Cefaleia matinal (dor de cabeça)

Insônia Déficit de atenção

Apresentar irritação, nervosismo e impaciência durante o dia, decorrentes de uma noite mal dormida

Ter Frequentes Esquecimentos Devido a Apneia

Algumas condições como refluxo gastresofágico, álcool e cigarro agravam o distúrbio. Alguns medicamentos usados para iniciar o sono, como benzodiazepínicos e relaxantes musculares também favorecem as apneias.

Outras condições que também causam apneia são: Asma e doenças pulmonares no geral Encefalite Meningite Pneumonia Convulsões Parada cardíaca Sufocamento Overdose Arritmia cardíaca AVC e outras desordens neurológicas.

Apneia. Causas e Tratamentos
Apneia. Causas e Tratamentos

Qual o Tipo de Tratamento para Apneia?

Não existem medicações eficazes para o tratamento da apneia, uma vez que o tratamento depende da causa. Pode ser necessário tratar problemas associados, como a hipertensão arterial.

Se existir um problema anatômico que leve à obstrução nasal, como desvio de septo, a correção cirúrgica está indicada. Nas crianças, se adenoide e amígdalas forem de tamanho obstrutivo, também devem ser avaliadas para a retirada.

Saiba mais informações, acesse: Dieta do ovo, funciona mesmo ?

Consulte um profissional de saúde se apresentar ou notar em alguém: Ronco alto, Falta de ar durante o sono, Pausas frequentes na respiração durante o sono, Sonolência excessiva durante o dia, o que pode levar a pessoa a cair no sono durante o horário de trabalho ou enquanto está dirigindo.

Saiba mais informações, acesse: Nova Repair. Ele Funciona? Não Compre Antes de Ler este Artigo

Há inúmeros centros de saúde distribuídos pelo país que fazem o diagnóstico e tratamento da apneia do sono bem como há centros de saúde na rede pública em algumas capitais que disponibilizam o tratamento para apneia grave de forma gratuita.

Apneia. Causas e Tratamentos
Apneia. Causas e Tratamentos

Muitas pessoas não encaram o ronco como um sinal de um problema de saúde potencialmente grave, e é verdade que nem todo mundo que ronca tem apneia do sono. Mas não se esqueça de conversar com um médico se houver ronco alto, especialmente se o ronco for acompanhado por períodos de silêncio.

O principal objetivo do tratamento de apneia é manter as vias respiratórias abertas para que a respiração não seja interrompida durante o sono. Em casos leves, alguns pacientes podem usar aparelhos odontológicos na boca durante a noite para manter a mandíbula posicionada mais para frente e impedir o bloqueio das vias aéreas

Especialistas que podem diagnosticar a apneia do sono e seus tipos estão: Neurologista Otorrinolaringologista, Pneumologista e Psiquiatra Médico do sono.

O site boaformaesaude.com.br é um espaço informativo de educação e divulgação sobre temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto de diagnósticos ou tratamentos, sem antes consultar um médico ou profissional de saúde habilitado.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA