1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Como Aliviar a Dor Durante o Trabalho de Parto

0

Para amenizar a dor durante o trabalho de parto, a mãe pode investir em vários meios naturais, na área da anestesia, se escolher um parto sem operações.

Monitorar a respiração, ter alguma coisa para pegar forte, dançar, andar, fazer exercícios na bola de pilates, ficar embaixo do chuveiro, ir para a banheira com água morna, são algumas alternativas para aliviar a dor durante o trabalho de parto acionado.

Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)
Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)

A dor de trabalho de parto e semelhante com uma cólica menstrual forte que, no começo e mais suave e que vai crescendo aos poucos, sendo gerado pelas contrações do útero e pela ampliação do colo uterino. E por mais que a dor não seja totalmente anulada, aplicar estes métodos pode levar a um enorme alívio.

Formas Naturais de Aliviar a Dor do Parto

Para amenizar a dor do trabalho de parto sem utilizar medicamentos, a gestante tem que estar em um local tranquilo, com luz baixa e sem barulhos. Porém, a mulher pode escutar uma música que a tranquilize para contribuir a ficar mais calma.

Controlar a respiração

Para dominar a respiração, amenizando a dor, basta:

Sobrecarregar o peito de ar, como se fosse cheirar uma flor e;

Largar o ar muito devagar como se fosse soprar uma vela.

Essa respiração apoia a conservar o oxigênio bastante que e necessário para contrair corretamente, reduzindo a dor forte e o incômodo geral.

Além do mais, a respiração funda também reduz a emoção, que e o hormônio encarregado pelo estresse, ajudando a manter a ansiedade, que muitas vezes aumenta a dor.

Posições para Amenizar a Dor no Trabalho de Parto

Antes de aparecer a dor gerada pela contração, a grávida pode caminhar devagar com o suporte de um familiar para deixar que o bebê se coloque da forma correta no útero e, o dar a luz acontece mais rápido, reduzindo o período da dor.

Antes de surgir a dor provocada pela contração, a grávida pode andar lentamente com o apoio de um familiar para permitir que o bebê se posicione corretamente no útero e, o nascimento ocorre mais rápido, diminuindo o tempo da dor.

Porém, no período da dor forte da contração, a grávida deve optar por uma posição corporal que ajuda a aliviar a dor, como:

Ajoelhar com o corpo inclinado sobre almofadas ou bola de parto;

Ficar de pé e apoiar-se no parceiro, abraçando o pescoço;

Posição de 4 apoios em cima da cama, fazendo força com os braços, como se estivesse empurrando o colchão para baixo;

Sentar no chão com as pernas abertas, dobrando as costas em direção aos pés;

Usar bola de pilates: a grávida pode sentar sobre a bola e fazer pequenos movimentos rotativos, como se estivesse a desenhar um oito sobre a bola.

Além destas posturas, a mulher pode utilizar uma cadeira para apoiar-se em várias posições e assim distinguindo qual a posição que vai ajudar a repousar mais naturalmente durante a contração.

Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)
Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)

Massagem corporal

Realizar uma massagem embaixo das costas, com exercícios circulares suaves, e uma ótima maneira para amenizar a dor, pois reduz a tensão dos músculos causados pela carga da barriga.

A gestante também pode realizar uma massagem relaxante em todo o corpo com um creme hidratante, pois o toque das mãos com a pele da mulher auxilia a reduzir o estresse, trazendo o sentimento de prazer.

Além do mais, tomar um banho quente ou colocar uma bolsa de água morna nas costas, também colabora a repousar os músculos e reduzir a dor, podendo ajudar agregar a massagem em alguns momentos.

Para Aliviar a Dor de Trabalho de Parto

Quando notar o início das contrações, comece a contar o tempo entre elas. Assim que ficarem estabelecida (cerca de 3 contrações a cada 15 minutos), quer dizer que está em trabalho de parto;

Tente ficar calma, tranquila e relaxada. Recorde que as seguintes horas serão física e emocionalmente rigorosos e que tudo deve fazer para se preparar paras as fases que estão chegando;

Reflita, tire um cochilo, assista a um filme, pratique sua respiração, toma uma ducha, solicite uma massagem, enfim faça tudo que estiver ao seu alcance para amenizar a dor e a angústia e para se sentir propicia, atenta e confiante.

Com o crescimento das dores e do incômodo físico, deverá se encaminhar para a maternidade. Se possível, não dirija. Solicite uma pessoa para transportar, chame um táxi;

Mentalize o seu bebê para apoiar a passar pelas seguintes fases com segurança. Vai ser indispensável um trabalho em equipe.

Dicas para a Mulher Ficar Tranquila no Trabalho de Parto

Conhecer: você tem que saber cada passo do trabalho de parto, conhecer a diferenciar entre as contrações reais, das contrafaces e perceber se precisa ou não fazer uma cesariana.

Deve-se entender sobre as complicações mais normais do parto e saber quais as respostas viáveis para cada situação. Dessa maneira terá mais entendimento do seu corpo e não terá nenhuma dúvida de que está apta para dar a luz a seu bebê.

Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)
Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)

Diálogo: você pode solicitar ao seu médico umas instruções e debater o assunto com outras mães. Divida seus medos com o seu companheiro, familiares e amigos.

Não pense negativo, porque você sabe que está bem: Os exames de investigação pré-natal, as pesquisas e exames ultrassonográficos que você faz no período da gestação são garantidos. Somente 3% dos recém-nascidos tem uma imperfeição.

Prepare-se corporalmente: você tem se exercitar, essencialmente, os músculos das nádegas e pernas. Isso vai colaborar a se ajeitar para o nascimento.

Tire todas suas dúvidas sobre a epidural. E interessante buscar informações sobre a anestesia epidural, uma ótima escolha se você optar por amenizar as dores ao longo do parto.

Seja positivo. Está comprovado que as mulheres mais negativas são as que vivencia partos mais dolorosos. De outro modo, se você ser otimista, a prática de dar a luz vai ser mais tranquilo de aguentar. Se conter esse comportamento o seu corpo vai registrar o alívio da ocitocina, um hormônio que auxilia a ocultar a dor.

Seja resistente e objetivo, se a circunstância piorar. Se algo der errado, você tem de reconhecer a situação e se encorajar ao máximo, refletindo que em pouco tempo estará com seu bebê nos seus braços.

Abandone o medo sobre o parto prematuro. Se o seu bebé está a frente, tenha paciência e confie completamente que o seu médico vai desempenhar o que for mais adequado para você e para o seu filho, seja ao incentivar a liberação de ocitocina para estimular as contrações, ao causa ou optar por outra alternativa para retirar a criança.  Somente 10% de todos os partos acontecem antes do esperado.

O parto prematuro é aquele que acontece antes de 37 semanas de gravidez. Atualmente, os bebês que vem ao mundo ao fim de 30 semanas de gestação possuem muitas oportunidades de sobreviver. Você só tem que preservar um comando próximo no centro de incubação para impedir determinadas ameaças de saúde. Mesmo que seja duro aceitar seu bebê no hospital, você deve analisar que esta será a melhor saída e que estará em ótimas mãos.

Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)
Como aliviar a dor durante o trabalho de parto. (Imagem: Divulgação)

Fique tranquila, lembre-se das aulas de preparação. É duro ficar impedida. O que você treinou nas aulas sairá de maneira espontânea. Se você ficar em desespero, sigas as instruções do médico e da parteira.

O mistério está na compreensão. É necessário aprender a descansar e poupar a sua energia para a hora do parto. Se você não se preveniu o suficiente assistindo as aulas de preparação, pode se matricular elas aulas de natação, ioga e outras modalidades que auxiliam a relaxar. Se dominar os receios e os nervos, a sua dedicação durante o trabalho de parto será muito melhor.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA