1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1.182 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Como Baixar o Ácido Úrico no Sangue

0

ácido úrico faz parte do organismo humano que armazena parte da substância no sangue. Em níveis normais, ele deve estar entre 3,4 e 7,0 mg/dL nos homens e entre 2,4 e 6,0 mg/dL nas mulheres.

Quando os valores estão muito acima dos níveis saudáveis, a pessoa pode estar acumulando a substância o que causa riscos à saúde, como a maior incidência de acidentes cardiovasculares e doenças nas articulações como a artrite.

Leia mais Informações: Pele Oleosa – 7 Dicas para Manter a Pele Seca

Contudo o consumo de alimentos indicados ao combate do excesso de ácido úrico e também a ingestão de chás naturais, combatem essa disfunção do organismo.

Como Baixar no Sangue Naturalmente o Ácido Úrico
Como Baixar no Sangue Naturalmente o Ácido Úrico. Imagem:Divulgação

O que é Ácido Úrico?

O ácido úrico é uma substância produzida naturalmente pelo nosso organismo. Ele é o resultado da quebra das moléculas da proteína purina, presente nos alimentos. Depois da sua divisão, a proteína se transforma em ácido úrico que é, em parte, eliminado pelos rins e a outra parte permanece no sistema sanguíneo.

Os níveis do ácido úrico podem subir devido o aumento da produção, redução da eliminação da substância pela urina ou por interferência do uso de alguns medicamentos.

O excesso do ácido úrico no sangue é chamado de hiperuricemia, o que provoca a formação de pequenos cristais de urato de sódio no corpo. Esses cristais parecem pequenas agulhas que podem se depositar principalmente nas articulações, nos rins, sob a pele ou em qualquer outra parte do organismo.

Leia mais Informações: O HPV tem Cura?

Ácido Úrico em Excesso quais os Sintomas?

Um dos sintomas do excesso de ácido úrico é a formação é uma dor intensa de artrite aguda causada pelos cristais depositados nas articulações. Os joelhos, tornozelos, calcanhares e dedos do pé são os mais afetados. Algumas pessoas desenvolvem gota e a artrite secundária.

Nos rins, o acúmulo de ácido úrico provoca cálculos renais e insuficiência renal aguda ou crônica. O alto índice da substância também está associado ao risco de acidentes cardiovasculares. Para se ter certeza sobre a doença, é necessário fazer o exame que mede a concentração de ácido úrico no sangue.

O que Evitar Durante o Tratamento?

Pessoas com acúmulo de ácido úrico devem evitar o estresse físico, o uso de remédios diuréticos e de anti-inflamatórios. Também devem diminuir a ingestão de alimentos e bebidas ricos em purina, como a carne vermelha, caldos de carne, coração, frutos do mar,  peixes e pães doces.

Ainda é preciso manter uma alimentação saudável, com a ingestão de alimentos que ajudam a eliminar o ácido úrico, com o controle do peso e da hipertensão, diminuindo a ingestão de açúcares e sal.

Leia mais Informações: Doenças respiratórias

Quem sofre com a doença deve consultar um médico para que esse inicie o tratamento o quanto antes. A orientação de uma nutricionista também é indicada, pois a profissional fará uma dieta adequada para o controle da taxa de ácido úrico.

Ácido úrico
Ácido úrico tratamento, Ácido Úrico tem Cura? Imagem:Divulgação

Ácido Úrico Tratamento

Além do controle da alimentação, com uma dieta de baixa caloria é necessário o uso de medicamentos para diminuir a produção do ácido úrico como o alopurinol e também para ajudar na eliminação da substância, como o probenecida e o sulfinpirazona.  Em alguns casos, o paciente precisa consumir os dois tipos de medicamentos ao mesmo tempo.

O paciente com muito ácido úrico no sangue deve ingerir bastante água para auxiliar o organismo na eliminação da substância. Também é interessante manter uma alimentação saudável, sem alimentos industrializados, rica em frutas, verduras, legumes, leite e derivados.

Entre os alimentos indicados estão maçã, pera, banana, laranja, melão, brócolis, cenoura, tomate, alface, berinjela, beterraba, couve, cebola, chocolate, nozes, gelatina, leite e derivados. Ainda corte o consumo de bebidas alcoólicas como a cerveja, já que essa é rica em purina.

Chá para Diminuir o Ácido Úrico no Organismo

Existem alguns chás e sucos caseiros que podem ajudara diminuir os problemas com excesso de ácido úrico. Entre eles o suco de beterraba que é feito com 80g de beterraba, mais 80g de cenoura, 80 g de pepino e 20g de agrião.

Tire a casca bata tudo em uma centrífuga ou se não tiver faça no liquidificador mesmo. Beba o suco diariamente pela manhã, enquanto estiver de jejum.

Leia mais Informações: O que é gravidez ectópica – como saber se tem uma

Chás de ervas como cavalinha, dente-de-leão e infusão de alcachofra ajudam na eliminação do excesso de líquidos, o que permite reduzir também as toxinas no corpo e deixando o sangue mais limpo.

Chá para Diminuir o Ácido Úrico no Organismo
Chá para Diminuir o Ácido Úrico no Organismo. Imagem:Divulgação

O chá de cardo mariano é outro que protege o fígado e suas funções. Um dos seus benefícios é o efeito depurador e a transformação de amoníaco em ureia, tudo isso ajuda a limpar o sangue e o organismo como um todo, já que ele elimina a purina e os excessos de proteínas quebradas pelas enzimas do organismo.

Leia mais Informações: Como Curar a Candidíase

O chá de harpago ou garro do diabo também ajuda a desinflamar as articulações e as inflamações causadas pelo acúmulo dos cristais, aliviando a dor e facilitando a movimentação das articulações.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA