1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1.887 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Saiba como Evitar a Cólica Menstrual

0

As cólicas menstruais fazem parte do período de Tensão Pré Menstrual, ou seja, a famosa TPM. É nesse período que algumas mulheres sentem dores abdominais.

A intensidade das dores varia de mulher para mulher. Existem mulheres que afirmam nunca terem tido cólicas menstruais. Outras têm dores tão fortes que precisam tomar medicamentos todos os meses. Mas afinal, o que acontece dentro do corpo de uma mulher para causar tanta dor?

Saiba o que é a Cólica Menstrual

As estruturas reprodutivas do corpo (útero, ovários e trompas) todos os meses se preparam para receber o bebê.

Saiba mais Informações, acesse: Saiba Tudo sobre Orgasmo Feminino

Acontece que nessa preparação é criada uma camada protetora, conhecida como endométrio, nas paredes do útero. Essa camada é a responsável por nutrir o embrião. Quando não ocorre a gravidez,ou seja, o corpo percebe que o óvulo não foi fecundado começa um processo inverso.

Saiba como Evitar a Cólica Menstrual
Saiba como Evitar a Cólica Menstrual

A própria camada protetora reconhece que não será mais útil e libera a prostaglandina, substância que faz o útero contrair-se para que o endométrio seja eliminado do organismo. As contrações do útero comprimem os nervos e os vasos sanguíneos que estão à sua volta, causando dores no baixo-ventre. Quando essas estruturas são comprimidas são geradas as dores da cólica menstrual.

Tratamentos para Cólica Menstrual

Assim como ter ou não cólicas varia conforme de mulher para mulher, o tratamento para aquelas que têm também. Não existe o ideal para todas as mulheres.

O ideal é sempre procurar um médico ginecologista para que este especialista possa fazer o diagnostico correto e iniciar um tratamento adequado para cada mulher, através da ingestão de medicamentos de acordo com a orientação médica.

Saiba mais Informações, acesse: Oxinova – Onde Comprar?

Tratamentos para Cólica Menstrual
Tratamentos para Cólica Menstrual

Pode acontecer também de as cólicas serem apenas reflexo dos hormônios do período menstrual. Nesse caso, o melhor tratamento é a pratica de exercícios físicos para a liberação de endorfina, que vai relaxar o seu corpo. Ingerir alimentos ricos em fibras também ajuda.

Como Aliviar as Dores da Cólica Menstrual

Algumas dicas podem ajudar a aliviar as dores do período menstrual. Procure sempre aquecer a região para que os músculos que estão contraídos relaxem. Para isso, abuse dos banhos, deixe a água quente cair sobre a região abdominal, utilize também bolsas de água quente que são ótimas aliadas neste período.

É normal as mulheres ficarem menos dispostas neste período, ainda mais com dores. Estar descansada e relaxada é extremamente necessário nesse momento. Deitar com a barriga para baixo, deitando-se em cima de um travesseiro pode ajudar a mulher a relaxar e evitar dores durante a noite.

Outro fator para ficar atenta é a alimentação. Evite ingerir alimentos gordurosos, embutidos e bebidas com cafeína, pois aumentam a produção de hormônios, que causa a contração do útero aumentando as dores.

Como Aliviar as Dores da Cólica Menstrual
Como Aliviar as Dores da Cólica Menstrual

Aposte em alimentos que servem como relaxantes musculares e possui poder anti-inflamatório natural. É o caso da soja, banana, beterraba e aveia. Chás também pode ser grandes aliados. O chá de canela, por exemplo,age como analgésico e ajuda a amenizar a dor. Os chás de hortelã e erva cidreira têm propriedades calmantes que contribuem para o bem-estar.

Fique Atenta com os Sinais do seu Organismo 

As dores fortes no baixo ventre nem sempre significam cólicas menstruais. A endometriose é uma doença que pode ocorrer em qualquer momento da fase fértil, desde a primeira até a última menstruação.

Isso acontece quando o endométrio ao invés de ser expelido para fora do útero como menstruação, vai na direção contrária e cai nos ovários ou na cavidade abdominal, causando a lesão endometriótica.

Atualmente a doença afeta cerca de seis milhões de brasileiras. De acordo com a Associação Brasileira de Endometriose, entre 10% a 15% das mulheres em idade reprodutiva (13 a 45 anos) podem desenvolvê-la e 30% tem chances de ficarem estéreis. Por isso é importante ficar atenta e ficar visitas anuais ao seu ginecologista.

O site boaformaesaude.com.br é um espaço informativo de educação e divulgação sobre temas relacionados à saúde, nutrição e bem-estar, não devendo ser utilizado como substituto de diagnósticos ou tratamentos, sem antes consultar um médico ou profissional de saúde habilitado.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA