1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Sintomas Iniciais de uma Gengivite

0

Uma simples inflamação da gengiva pode causar o que chamamos de gengivite. Ela acontece por causa do acúmulo de placa bacteriana nos dentes, o que ocasiona uma série de sintomas e sua progressão pode acarretar em doenças mais graves como periodontite e periodontite avançada.

Uma simples inflamação da gengiva pode causar o que chamamos de gengivite. (Imagem: Divulgação)
Uma simples inflamação da gengiva pode causar o que chamamos de gengivite. (Imagem: Divulgação)

O Que é a Gengivite e Como ela Evolui?

A gengivite é o estágio inicial da doença e é o mais fácil de ser tratado, por ser apenas uma inflamação. O acometimento da doença é decorrente do acumulo de placa bacteriana devido à péssima higiene bucal. A placa bacteriana nada mais é que uma película viscosa e incolor de bactérias que se forma nos dentes e na gengiva, de maneira constante.

Com a não remoção da placa bacteriana através da escovação e uso de fio dental diário, a placa bacteriana produz toxinas (ácidos) que irritam a mucosa da gengiva, ocasionando a gengivite. Esse é o estágio inicial da doença gengival, onde os danos ainda podem ser revertidos. Entretanto, se não houver o tratamento, ela pode evoluir para doenças mais graves e causar danos permanentes aos dentes. Veja os três estágios da doença gengival:

  • Gengivite simplesmente: inflamação gengival causada pela placa bacteriana.
  • Periodontite: o osso e as fibras de sustentação que mantêm os dentes em posição são danificados.
  • Periodontite avançada: estágio final da doença em que as fibras e os ossos de sustentação dos dentes estão destruídos.

Como já dito anteriormente em seu estágio inicial a gengivite pode ser revertida, mas sem o devido tratamento sua evolução para periodontite irá causa danos permanentes aos dentes e mandíbula. Consequentemente a periodontite pode causar mais danos a saúde, tornando-se endocardite bacteriana, que é quando as bactérias instaladas nas bolsas periodontais caem na corrente sanguínea e são transportadas até as válvulas cardíacas.

A gengivite é o estágio inicial da doença e é o mais fácil de ser tratado, por ser apenas uma inflamação. (Imagem: Divulgação)
A gengivite é o estágio inicial da doença e é o mais fácil de ser tratado, por ser apenas uma inflamação. (Imagem: Divulgação)

Quais São os Sintomas da Gengivite?

A gengivite é uma doença que pode não apresentar dor, então é necessário sempre ficar atento a saúde da gengiva observando os sintomas a seguir:

  • Gengiva inchada, vermelha, sensível ou com sangramento
  • Gengiva que recua ou se afasta do dente
  • Mau hálito persistente ou gosto ruim na boca
  • Dentes soltos
  • Pus visível em torno dos dentes e gengiva

É preciso ficar atento a todos os sintomas, porque a progressão da gengivite pode agravar e  torna-se periodontite e periodontite avançada afetando os ossos que atravessam e suportam os dentes.

Como Saber se Tenho Gengivite?

Para saber se você possui gengivite é preciso ficar atento aos sinais e sintomas da doença, que são principalmente gengivas vermelhas, inchadas e hipersensíveis que podem sangrar de forma espontânea ou durante a escovação.

Quando a doença está em progressão ela cria espaços entre a gengiva e os dentes, local onde se acumulam restos de comida e a placa bacteriana, esse acúmulo causa mau hálito, gosto ruim na boca e muda a forma como os dentes se encaixam durante a mastigação.

Para saber se você possui gengivite é preciso ficar atento aos sinais e sintomas da doença. (Imagem: Divulgação)
Para saber se você possui gengivite é preciso ficar atento aos sinais e sintomas da doença. (Imagem: Divulgação)

Elas também deixam os dentes com uma aparência mais alongada e em casos que são mais avançados pode acontecer uma secreção de pus ao redor dos dentes e na bolsa gengival.

Como Prevenir a Gengivite?

Para prevenir a gengivite é essencial ter uma boa higiene bucal. A limpeza feita por um profissional é também de suma importância, pois uma vez que a placa se acumula e endurece (ou torna-se tártaro), somente o dentista pode removê-la.

Mas você pode evitar a gengivite da seguinte forma:

  • Escovação adequada e devido uso do fio dental para remover placa e restos de alimentos, e do controle do aparecimento de tártaro;
  • Alimentação adequada garantindo nutrição adequada;
  • Evite fumar cigarros e outras formas de tabaco;
  • Ir ao seu dentista periodicamente.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA